Óculos novos? Conheça 4 dicas para se adaptar rápido a eles

Óculos novos? Conheça 4 dicas para se adaptar rápido a eles

Mesmo para quem utiliza óculos de grau a um bom tempo, é comum que a cada troca de lentes, exista um período de readaptação que costuma causar alguns incômodos. Para quem acabou de adquirir óculos novos e nunca utilizou o acessório corretivo antes, pode ser ainda pior. 

 Sintomas como dores de cabeça, tontura, entre outros podem aparecer nesse período. 

Em alguns casos, é recorrente até cogitar a possibilidade de o oftalmologista ter  falhado no diagnóstico, ou mesmo que houve um erro na composição das lentes por parte da ótica. 

No entanto, se escolhidos profissionais de confiança para a realização do acessório corretivo, basta seguir algumas dicas simples para que esse período de adaptação seja o mais breve e tranquilo possível.

É comum ter um período de adaptação aos óculos de grau novos?

Sim, é extremamente comum e ocorre devido ao tempo de adaptação que os olhos necessitam para acostumarem-se às novas condições.

As lentes corretivas contribuem na nitidez dos objetos e os sintomas apresentados estão muitas vezes ligados a diferença e adaptação da forma como víamos antes e agora, com o uso dos novos óculos.

Dores de cabeça, enjoos e até mesmo tontura, como já citamos, são alguns dos sintomas que podem surgir nesse período e são completamente comuns.

Por quanto tempo é normal durarem os sintomas causados pela troca de lente ou uso primário de óculos?

Geralmente, o período de adaptação e sintomas pelo uso dos novos óculos ou lentes, dura em média 7 dias. Tempo que os olhos demoram para se adaptar às novas circunstâncias.

Os sintomas mais intensos tendem ocorrer quando a troca de grau é mais brusca, como por exemplo, quando a um aumento significativo do grau comparado ao utilizado anteriormente.

Entretanto se os sintomas persistirem, mesmo após o período padrão de adaptação, é essencial procurar  ajuda com o oftalmologista que prescreveu suas lentes para averiguar que está tudo certo.

Por mais que a fase de transição seja inevitável, a algumas medidas simples que podem ser tomadas para que ela seja mais tranquila.

Acompanhe nossas dicas a seguir!

4 dicas para se adaptar melhor aos óculos novos

1. Suas lentes estão prontas! É hora de conferir se ficaram de acordo com a receita pré-escrita.

O primeiro passo após ter seus novos óculos em mãos, a fim de evitar maiores transtornos é conferir se as lentes feitas pela ótica estão de acordo com a receita pré-escrita pelo oftalmologista.

Para garantir que seus óculos estejam em excelentes condições para corrigir sua visão, a melhor iniciativa que você pode ter é levá-lo ao seu oftalmologista.

Ele poderá garantir de que está tudo certo e que daquele momento em diante aqueles novos óculos ou lentes, apenas contribuirão com suas atividades do dia a dia, através de uma visão muito mais nítida.

2. Use seus novos óculos pelo maior período que puder

A rotina e a persistência em utilizar seus novos óculos, lhe ajudarão muito nessa fase inicial de estranhamento.

Use-o pelo maior período que for possível, isso ajudará seus olhos a se adaptarem mais rápido.

Do contrário, já sabe não é?

Seus olhos demorarão mais a se acostumar com as novas lentes.

Se você já usava óculos anteriormente e está pensando em voltar para o acessório antigo por acreditar que não se adaptou ao novo, saiba que isso apenas servirá para  confundir seu cérebro, que consequentemente prolongará o seu período de adaptação.

Está gostando dessas dicas? 

Então não deixe de acompanhar mais duas delas em nosso post a seguir!

Tem um amigo ou familiar que também está passando por essa fase, ou passará em breve?

Compartilhar o link dessas informações com ele (a)! 

Veja também: 

Óculos femininos: algumas das marcas mais caras e requisitadas de todo o mundo 

Dificuldade para ler? Saiba como resolver a “síndrome do braço curto”! 

Óculos para rosto redondo: saiba que modelos combinam mais 

Sobre o autor

Compartilhar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *